Pesquisa   Facebook Jornal Alvorada
Login

Login na sua conta

Username *
Password *
Lembrar-me

Criar uma conta

Campos marcados com (*) são obrigatórios.
Nome *
Username *
Password *
Confirmar Password *
Email *
Confirmar email *
Captcha *
Reload Captcha

Patriarcado de Lisboa propõe acção de formação ‘Como acompanhar espiritualmente doentes em fim de vida?’

doente

A Associação Mateus 25 e o Departamento Diocesano da Pastoral da Saúde, do Patriarcado de Lisboa, estão a promover uma acção de formação sobre ‘Acompanhamento espiritual a doentes em fim de vida - na paróquia e no hospital’, que vai decorrer no dia 16 de Fevereiro, sábado.

Dirigido a voluntários, párocos, estudantes, visitadores de doentes, Ministros Extraordinários da Comunhão, agentes pastorais e familiares de doentes, esta formação vai ter lugar no auditório do Externato São Vicente de Paulo (Irmãs Vicentinas), em Lisboa, a partir das 9h00 e até às 18h00, com a celebração da Eucaristia. “Julgamos que esta formação se reveste de uma enorme pertinência e actualidade, e que se pode constituir num instrumento precioso para a relação e significação da vida das pessoas que vivem a experiência da doença em fase terminal”, refere um comunicado da organização, salientado que este dia de formação “aportará certamente uma importante mais-valia para os cuidados e para a atenção integral da pessoa, preocupação fundamental da Igreja”.

Do programa, destaque para a definição de conceitos de Bioética, por frei Herminio Araújo (OFM), como distanásia, eutanásia, morte assistida, cuidados paliativos ou testamento vital, e para o tema ‘Acompanhar os doentes - Relação e Comunicação’, por Cristina Pinto. Após o almoço, vão decorrer ‘workshops’ temáticos, sobre ‘Sacramentos (confissão, santa unção e viático)’, pelo Pe. Alberto Mendes, OH, ‘Acompanhar o Silêncio dos Morrentes’, com Fernando d’Oliveira, e ‘Bênçãos e Orações com e pelos moribundos’, pelo Pe. Fernando Sampaio.

Informações: 217805123 ou Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

Texto e fotografia: Jornal Voz da Verdade