Pesquisa   Facebook Jornal Alvorada
Assinatura Digital

Login na sua conta

Username *
Password *
Lembrar-me

Criar uma conta

Campos marcados com (*) são obrigatórios.
Nome *
Username *
Password *
Confirmar Password *
Email *
Confirmar email *
Captcha *
Reload Captcha

A “maratona” do Rosário

O Papa Francisco convocou a Igreja para durante o mês de Maio realizar uma "maratona" de oração do rosário para pedir a Nossa Senhora o fim da pandemia, que aflige o mundo há mais de um ano, e pela retoma das actividades sociais e de trabalho. O Santo Padre quis envolver todos os Santuários Marianos do mundo nesta iniciativa, para que se tornassem instrumentos para uma oração de toda a Igreja. A iniciativa é realizada à luz da expressão bíblica: "De toda a Igreja subia incessantemente a oração a Deus" (At 12,5).

A importância da Virgem Maria na vida cristã é um dado incontestável. A sua presença é visível na Igreja, nos templos, em tantas formas de arte, nas devoções mais populares e em muitas manifestações de fé. São João Paulo II ao propor a oração do Rosário, como caminho complementar para uma autêntica espiritualidade cristã, dizia: «A contemplação de Cristo tem em Maria o seu modelo insuperável. À contemplação do rosto de Cristo, ninguém se dedicou com a mesma assiduidade de Maria».

No século XVI, aquando da Batalha de Lepanto, o Papa São Pio V com as mãos erguidas ao alto como Moisés acompanhava uma multidão de fiéis que, em Roma, rezavam o Rosário implorando a intercessão de Maria para que a Europa não sucumbisse perante a ameaça do Império Otomano. Ainda hoje os cristãos celebram a Festa de Nossa Senhora do Rosário a 7 de Outubro, dia em que os cristãos venceram a batalha.

Em Fátima, Nossa Senhora aparece a três pastorinhos, pede-lhes que rezem o rosário/terço todos os dias pela conversão dos pecadores e para que os homens não mais ofendessem a Jesus. A vida destas crianças mudou e com elas a de milhões em todo o mundo.

A oração cristã é a intimidade de amor que transforma a vida. Rezar é dar lugar ao Espírito Santo para que actue e nos revele os desígnios misteriosos de Deus. A abertura à relação com Deus permite que o crente cresça na comunhão com todos os outros, ao mesmo tempo que experimenta a presença consoladora do Senhor.

O Rosário é uma oração muito simples, na medida em que é a recitação de fórmulas facilmente aprendidas por todos, mas extremamente exigente porque a repetição constante dificulta a concentração do pensamento. A Igreja medita os mistérios da vida de Cristo, ao mesmo tempo que invoca a Mãe do Senhor. A oração une o nosso coração ao dela para juntos chegarmos mais próximo do seu Filho.

É importante aprendermos a colocarmo-nos aos pés de Jesus. Invocá-Lo com a atitude confiante de Maria que conhece todas as nossas necessidades. A intercessão de Maria é a expressão do seu amor de Mãe que cuida e jamais abandona os seus filhos e o mundo inteiro de que ela é Senhora. A mais bela de todas as criaturas.

A oração exige que cada um dê do seu tempo, que entregue o seu coração e submeta a sua vontade. Na medida em que o fazemos damos lugar à acção de Deus, e é despertada em nós a consolação do Espírito. As graças que recebemos são carícias da ternura de um Pai que não cessa de nos fazer experimentar as suas maravilhas, que transforma a nossa vida muito além do que podíamos pensar ser possível. Rezamos pelo fim da pandemia, mas sobretudo para que todos estejamos unidos no Amor.

A Mãe do céu é a nossa guia nesta aprendizagem de Amor. Respondamos ao convite do nosso Pastor e procuremos estar unidos na oração do Rosário. Façamo-lo em família, e mesmo estando sós aprendamos a estar em profunda comunhão com todos. Num passado, não muito longínquo, era rara a casa em que o rosário/terço não fosse rezado pelos que nela habitavam. A oração aproximava de Deus pelas mãos de Maria, ao mesmo tempo que favorecia a partilha da vida com a simplicidade do amor de quem aceita rezar com e pelo outro. É tempo de recuperarmos as boas práticas! Elas são essenciais para o bem de todos.

Pe. Ricardo Franco
Edição 1302 - 7 de Maio de 2021