Pesquisa   Facebook Jornal Alvorada
Login

Login na sua conta

Username *
Password *
Lembrar-me

Criar uma conta

Campos marcados com (*) são obrigatórios.
Nome *
Username *
Password *
Confirmar Password *
Email *
Confirmar email *
Captcha *
Reload Captcha

Vimeiro recebe conferência sobre Património Histórico-Militar das Invasões Francesas

CIBV 2019

O Centro de Interpretação da Batalha do Vimeiro (CIBV) recebe, esta sexta-feira, a conferência cultural ‘Património Histórico-Militar das Invasões Francesas: Activação Turística, Comunicação e Divulgação’, com o objectivo de criar um momento de reflexão e partilha de conhecimento na área do Turismo Militar em Portugal e focado essencialmente no período histórico das Invasões Napoleónicas. Este ano, a agenda cultural do CIBV assinala os 250 anos do nascimento de Napoleão Bonaparte e de Sir Arthur Wellesley, sendo que esta conferência faz parte do calendário comemorativo.

Segundo uma nota de imprensa da autarquia lourinhanense, o encontro tem início marcado para as 9h30, com a sessão de abertura a cargo do presidente da Câmara Municipal da Lourinhã, João Duarte Carvalho, e do presidente da Associação Napoleónica Portuguesa, José António Faria e Silva. Esta associação destaca-se pelo trabalho que tem desenvolvido ao nível do estudo, preservação e divulgação da temática das Invasões Napoleónicas, sendo um parceiro do CIBV desde 2008, ano da inauguração do espaço.

Esta conferência conta ainda com dois painéis de apresentações. O Painel I centra-se nos Projectos de Activação Turística do Património Histórico-Militar das Invasões Francesas e inclui quatro comunicações: ‘Guerra Peninsular, Património do Exército e Turismo Militar’ pelo director dos Museus Militares de Lisboa e Buçaco, coronel Luís Albuquerque; ‘A Rota Histórica das Linhas de Torres’ pelo presidente da direcção da Rota Histórica das Linhas de Torres, José Alberto Quintino; ‘Mortágua na Rota da Batalha do Bussaco’ pelo presidente da Câmara Municipal de Mortágua, José Júlio Norte; e ‘A Recriação Histórica do Cerco de Almeida: 10 Anos de Caminhada’ por Paula Sousa, do Município de Almeida. A moderar este painel, que decorre ao longo da manhã, estará Lígia Mateus da Equipa de Gestão e Projectos da Associação de Turismo Militar Português.

No período da tarde, os trabalhos terão início pelas 15h00 com a apresentação ‘Comunicação e Divulgação em Museus’, por Ana Braga da Acesso Cultura, seguindo-se uma comunicação sobre Marketing Territorial, pela Business Development Manager da Message in a Bottle, Anja Mrak, e, por fim, a apresentação ‘Estruturar e Promover Produto – Desafios para o Turismo Militar’, pela directora do Departamento de Desenvolvimento e Inovação da Direcção de Gestão do Conhecimento do Turismo de Portugal, Teresa Ferreira. Este painel será moderado por Ana Garcia, presidente da Accessible Portugal, associação ligada à promoção do Turismo Acessível enquanto factor crítico da valorização dos destinos turísticos.

A sessão de encerramento e reflexão final sobre os trabalhos, e sobre a importância de criar produtos de Turismo Militar, fica a cargo da subdiretora-geral da Direcção Geral de Recursos da Defesa Nacional, Catarina Figueiredo Cardoso.

Texto: ALVORADA. Foto: Paulo Ribeiro/ALVORADA (arquivo).