Pesquisa   Facebook Jornal Alvorada
Login

Login na sua conta

Username *
Password *
Lembrar-me

Criar uma conta

Campos marcados com (*) são obrigatórios.
Nome *
Username *
Password *
Confirmar Password *
Email *
Confirmar email *
Captcha *
Reload Captcha

Veículos ligeiros podem abastecer 25 litros e pesados 100 em postos fora da REPA

posto de combusivel 8

O Governo anunciou hoje que os veículos ligeiros só podem abastecer no máximo 25 litros de combustível e os pesados 100 litros, durante a greve de motoristas, em postos que não pertencem à Rede de Emergência de Postos de Abastecimento (REPA). Numa conferência de imprensa em Lisboa, o ministro do Ambiente e da Transição Energética, João Pedro Matos Fernandes, explicou que a REPA tem dois tipos de postos: um de abastecimento exclusivo e outros para o público em geral. Os de exclusivo são unicamente para as entidades prioritárias, como por exemplo as forças armadas e emergência médica. “Na restante rede REPA são 321 postos”, esclareceu Matos Fernandes, podem abastecer os veículos prioritários e os equiparados, como transporte de produtos agrícolas em fase de colheita, transporte de valores, entre outros.

Também o público em geral poderá abastecer nos postos da REPA que não são exclusivos a transporte prioritário ou equiparado, no entanto, com um limite de 15 litros de combustível.

Na região Oeste integram esta rede de emergência publicada pela Entidade Nacional para o Sector Energético (ENSE) 17 postos distribuídos pelos concelhos de Alcobaça (3), Bombarral (1), Caldas da Rainha (3), Nazaré (1), Peniche (1) Alenquer (1), Lourinhã (1), Sobral de Monte Agraço (1) e Torres Vedras (5).

Tal como se verificou na última greve, os concelhos de Óbidos, Cadaval e Arruda dos Vinhos voltam a não ser contemplados com um posto de combustíveis para responder às necessidades dos consumidores, tendo os consumidores que se deslocar a um município vizinho. No concelho do Bombarral foi escolhida a bomba do Intermarché; nas Caldas da Rainha, as bombas do Leclerc, Repsol (EN 360 - Águas Santas) e Galp (Rua Infante D. Henrique); em Peniche está contemplada a bomba da BP; e em Torres Vedras cinco bombas (Jumbo, GALP na ligação à A8, GALP na EN 9, GALP na A8 e GALP em A-dos-Cunhados).

A REPA foi actualizada pelo Governo e, entre os nove postos de abastecimento que foram adicionados à lista inicial, entrou mais um para a região Oeste: GALP em A-dos-Cunhados.

O ministro João Pedro Matos Fernandes anunciou também que cerca meio milhar de elementos das forças de segurança e armadas vão assegurar serviços mínimos, durante a greve dos motoristas. Em conferência de imprensa, o governante referiu que foram requisitados 521 elementos das forças armadas e das forças policiais para assegurar as cargas e descargas de combustível.

Texto: ALVORADA com agência Lusa
Fotografia: Paulo Ribeiro/ALVORADA